Design & RH: muito além do visual bonito


01/12/2017
Por Inoven

“Design não é somente o que se vê ou o que se sente. Design é como funciona”.

Esta é uma das frases mais marcantes de Steve Jobs e que retrata como nós, aqui no Grupo Cia de Talentos, entendemos o design. É algo que vai além do Pantone de cores, dos ícones bacanas e do layout da apresentação. Design é isso e muito mais. É um conceito que extrapola o aspecto visual. Quando falamos de design, nos referimos também à resolução de problemas, ao uso das coisas, à funcionalidade e ao possível encantamento que podemos gerar. Na essência, é o que de fato agrega valor para quem usa um determinado produto ou serviço.
 
Provavelmente, você já deve ter ouvido como empresas e pessoas estão usando abordagens inspiradas no design para resolver problemas, entender as necessidades das pessoas e desenvolver soluções que sejam desejáveis. O design thinking, por exemplo, utiliza um processo conhecido como duplo-diamante, que conta com os 4 Ds:

- DESCOBRIR (Discover): é o momento de entender o contexto e a realidade das pessoas envolvidas em um determinado problema.
- DEFINIR (Define): refere-se ao processamento das informações, registro de insights e identificação de oportunidades específicas.
- DESENVOLVER (Develop): é quando começamos a gerar ideias e detalhar as possíveis soluções.
- ENTREGAR (Deliver): finalmente é a hora de testar e aprimorar as soluções.



Já o design de serviços ajuda a construir a jornada que as pessoas irão idealmente vivenciar quando interagem com um determinado produto ou serviço. Nesta abordagem, olhamos para diferentes momentos da experiência de consumo, desde como as pessoas ficam sabendo, até como utilizam, renovam, recomendam e eventualmente encerram o uso.  Olhar para o mapa da jornada do serviço garante relevância para quem o usa e ajuda as empresas a entregar o que prometem.
 
E o que tudo isso tem a ver com o RH? Tudo! Essa perspectiva do design vem transformando organizações e sociedade por meio de inovações que colocam o indivíduo no centro das soluções. No passado, olhávamos para os principais mecanismos de recursos humanos como processos e isso nos distanciou das pessoas mais importantes: candidatos e colaboradores.
 
Com estas abordagens temos apoiado empresas a promover projetos de seleção que encantem e impactem positivamente milhares de candidatos. Também ajudamos a criar experiências de aprendizagem que sejam relevantes e, de fato, atendam às necessidades dos participantes.
 
O Design Thinking e Design de Serviços propõem um novo papel para o RH: o de arquiteto de serviços e experiências memoráveis, que geram mais engajamento, significado e conexão para as pessoas. E você, já pensou como o design pode reinventar o RH e sua empresa?

Por Rajesh Rani
Innovation Expert